Top Desejo Quotes

Browse top 49 famous quotes and sayings about Desejo by most favorite authors.

Favorite Desejo Quotes

1. "O desejo sexual, sobretudo quando se concentra na paixão, fixando-se numa determinada mulher é a quintessência de todas as fraudes desse nobre mundo; isso porque promete indizivelmente, infinitamente e extraordinariamente muito e cumpre miseravelmente pouco."
Author: Arthur Schopenhauer
2. "O homem seduzido pela ilusão da vida individual, escravo do egoísmo, só vê as coisas que o tocam pessoalmente, e encontra aí motivos incessantemente renovados para desejar e querer; pelo contrário, aquele que penetra a essência das coisas, que domina o conjunto, chega ao repouso de todo o desejo e de todo o querer. Daí em diante a sua vontade desvia-se da vida, repele com susto os gozos que a perpetuam. O homem chega então ao estado da renúncia voluntária, da resignação, da tranqüilidade verdadeira, e da ausência absoluta de vontade."
Author: Arthur Schopenhauer
3. "São quatro as perturbações da alma: o desejo, a alegria, o medo e a tristeza."
Author: Augustine Of Hippo
4. "De Que São Feitos os Dias? De que são feitos os dias?- De pequenos desejos,vagarosas saudades,silenciosas lembranças.Entre mágoas sombrias,momentâneos lampejos:vagas felicidades,inactuais esperanças.De loucuras, de crimes,de pecados, de glórias- do medo que encadeiatodas essas mudanças.Dentro deles vivemos,dentro deles choramos,em duros desenlacese em sinistras alianças..."
Author: Cecília Meireles
5. "Cântico VITu tens um medo:Acabar.Não vês que acaba todo o dia.Que morres no amor.Na tristeza.Na dúvida.No desejo.Que te renovas todo o dia.No amor.Na tristeza.Na dúvida.No desejo.Que és sempre outro.Que és sempre o mesmo.Que morrerás por idades imensas.Até não teres medo de morrer.E então serás eterno."
Author: Cecília Meireles
6. "Será que me vou levantar para o almoço ou almoçarei no camarote? Há uma letargia suplicante que indica, «Toma-o na cama», mas não consigo dominar o desejo de explorar e o sentimento de expectativa de que algo está prestes a acontecer- e, por isso, decido almoçar na sala de jantar. Estou a dar a mim próprio um estímulo emocional. Nada acontece. Não conhecemos ninguém."
Author: Charles Chaplin
7. "Nada disso tem a ver com moralidade, religião, dogmas ou grandes questões sobre a vida após a morte. A verdade com V maiúsculo diz respeito à vida antes da morte. Diz respeito a chegar aos trinta, ou quem sabe aos cinquenta, sem querer dar um tiro na cabeça. Diz respeito ao valor real de uma verdadeira educação, que não tem nada a ver com notas e diplomas e tudo a ver com simples consciência - consciência daquilo que é tão real e essencial, que está tão escondido à luz do dia onde quer que se olhe que precisamos repetir para nós mesmos a todo momento: "Isto é água, isto é água; esses esquimós podem ser bem mais do que aparentam". É incrivelmente difícil fazer isso, ter uma vida consciente e adulta, dia após dia. E com isso mais um clichê se prova verdadeiro: a nossa educação leva mesmo a vida toda, e ela começa: agora.Desejo a vocês muito mais que sorte."
Author: David Foster Wallace
8. "Sinto que nas minha veias arde um desejo mais ardente do que o de amor: é o Desejo de não me assemelhar aos da minha espécie, mas de excedê-los, o desejo de penetrar no segredo da sua própria existência e de participar dele, o desejo de um conhecimento sobrenatural e de um poder supraterrestre."
Author: Edward Bulwer Lytton
9. "A força explosiva da mais pequena mortificação. Todo o desejo vencido nos torna poderosos. Quanto mais nos afastamos dele, e a ele deixamos de aderir, melhor dominamos este mundo. A renúncia confere um poder infinito."
Author: Emil Cioran
10. "Eu te teci através do meu desejo para me envolver em laços por braços e abraços, me selar com um beijo."
Author: Filipe Russo
11. "Ao invés de passar o dia atrás de condizer com as ficções sociais eu satisfaço os meus próprios desejos: dos menos alheios até mesmo aos mais carnais."
Author: Filipe Russo
12. "O desejo me revoluciona. Mesmo que eu não consiga, mesmo que eu desista."
Author: Filipe Russo
13. "Do passado, saudade; ao futuro, curiosidade; no presente, o próprio desejo."
Author: Filipe Russo
14. "O desejo que se encolhia aos meus pés me subiu à cabeça, agora eu não paro palpitar."
Author: Filipe Russo
15. "Vida, a matéria possuída pelo desejo exige de mim mais vida."
Author: Filipe Russo
16. "Estabilizo meu humor com suco de tangerina, mas nem todos ácidos e açúcares conseguem minimizar a gravidade apocalíptica do desejo."
Author: Filipe Russo
17. "- Para que me chamou, Lise?- Quero informá-lo de um desejo que tenho. Quero que alguém me martirize: se case comigo e, depois, me martirize, me engane, me abandone. Não quero ser feliz![in Os Irmãos Karamazov]"
Author: Fyodor Dostoyevsky
18. "?É necessário abrir os olhos e perceber que as coisas boas estão dentro de nós, onde os sentimentos não precisam de motivos nem os desejos de razão.O importante é aproveitar o momento e aprender sua duração, pois a vida está nos olhos de quem saber ver"
Author: Gabriel Garcí­a Márquez
19. "Úrsula se perguntava se não era preferível se deitar logo de uma vez na sepultura e lhe jogarem a terra por cima, e perguntava a Deus, sem medo, se realmente acreditava que as pessoas eram feitas de ferro para suportar tantas penas e mortificações. E perguntando e perguntando ia atiçando sua própria perturbação e sentia desejos irreprimíveis de se soltar e não ter papas na língua como um forasteiro e de se permitir afinal um instante de rebeldia, o instante tantas vezes desejado e tantas vezes adiado, para cortar a resignação pela raiz e cagar de uma vez para tudo e tirar do coração os infinitos montes de palavrões que tivera que engolir durante um século inteiro de conformismo.– Porra! – gritou.Amaranta, que começava a colocar a roupa no baú, pensou que ela tinha sido picada por um escorpião.– Onde está? – perguntou alarmada.– O quê?– O animal! – esclareceu Amaranta.Úrsula pôs o dedo no coração.– Aqui – disse"
Author: Gabriel Garcí­a Márquez
20. "O que é o desejo do nosso coração?""A vingança," a voz dele era baixa, como se tivesse receio de que alguém estivesse ouvindo. "A justiça," Príncipe Doran pressionou o dragão de ônix contra a palma da mão dela com seus dedos inchados e gotosos, e murmurou "Fogo e sangue."
Author: George R.R. Martin
21. "[...] e essa ideia de ter um filho homem era como a revanche de todas as suas impotências passadas. Um homem ao menos é livre; pode percorrer as paixões e os países, atravessar os obstáculos, ir atrás das alegrias mais distintas. Ao mesmo tempo inerte e flexível, a mulher tem a seu desfavor as fraquezas da carne e as dependências da lei. Sua vontade, como o véu do chapéu retido por uma fita, palpita ao sabor de todos os ventos; sempre há algum desejo que arrasta, alguma conveniência que retém."
Author: Gustave Flaubert
22. "O mundo não é uma fábrica de conceder desejos."
Author: John Green
23. "Quando eu era muito novo e sentia em mim o impulso irreprimível de estar em qualquer outro lugar, foi-me assegurado por pessoas de idade madura que a maturidade curaria este desejo ardente. Quando os anos me indicavam como amadurecido, o remédio prescrito foi a meia-idade. Na meia-idade, asseguraram-me que uns anos mais acalmariam a minha febre, e agora, que tenho cinquenta e oito, talvez a senilidade o consiga. Nada surtiu efeito. Quatro sopros roufenhos do apito de um navio ainda arrepiam o cabelo da minha nuca e põem os meus pés a sapatear. O som de um avião de jacto, de um motor a aquecer, até o bater de cascos ferrados no pavimento, provocam o antigo formigar, a boca seca e o olhar vago, o calor das palmas das mãos e a agitação violenta do estômago, aos pulos sob a caixa das costelas. Por outras palavras, não melhoro, ou, indo mais longe, quem foi vadio é sempre vadio. Receio que a doença seja incurável."
Author: John Steinbeck
24. "Mesmo no que se faz por prazer o conformismo é a primeira coisa em que se pensa; as pessoas desejam em grupo; exercem a escolha apenas entre coisas comummente feitas; fogem da peculiaridade de gosto e da excentricidade de conduta como de crimes; até que, à força de não seguirem a própria natureza, não têm mais natureza a seguir; as suas capacidades humanas mirram e morrem; tornam-se incapazes de desejos fortes e de prazeres naturais; e não apresentam, em regra, opiniões e sentimentos brotados do íntimo, propriamente seus. É essa, entretanto, a condição desejável da natureza humana?"
Author: John Stuart Mill
25. "Para que explicar? Nada desejo explicar. Explicar é limitar. É impossível limitarGabriela, dissecar sua alma."
Author: Jorge Amado
26. "Abril é o mês mais cruel, gera lilases da terra morta, mistura a memória e o desejo, mistura raízes dormentes com chuva de Primavera."
Author: Julia Gregson
27. "Já não há histórias de amor. No entanto, as mulheres desejam-nas e os homens também, quando não se envergonham de ser ternos e tristes como as mulheres. Uns e outros têm pressa de ganhar e de morrer. Apanham aviões, comboios suburbanos, rápidos de alta velocidade, ligações. Não têm tempo para olhar para aquela acácia cor-de-rosa que estende os ramos para as nuvens intervaladas de seda azul ensolarada (…) Bem se vê que não há tempo sem amor. O tempo é amor pelas pequenas coisas, pelos sonhos, pelos desejos. Não temos tempo porque não temos amor suficiente. Perdemos o nosso tempo quando não amamos. Esquecemos o tempo passado quando nada temos a dizer a ninguém. Ou então estamos prisioneiros de um tempo falso que não passa."
Author: Julia Kristeva
28. "Eu poderia rimar e utilizar as mais belas palavras, porém nenhuma seria capaz de descrever o que sinto. Por isso desejo que minhas atitudes demonstrem e lhe deem toda a certeza que você precisa para se sentir amada."
Author: Leandro Goulart BRAZIL
29. "Na calmaria, encontramos nossa humanidade e descobrimos o mais profundo desejo de nos libertarmos de nós próprios e nos de unirmos a Cristo."
Author: Luis Alexandre Ribeiro Branco
30. "Desejo, palavra com seis letras e tantos significados.Na vida tanto é virtude como infâmia."
Author: Luis Alexandre Ribeiro Branco
31. "Solidão por que me acompanhas enquanto desejo estar só?"
Author: Luis Alexandre Ribeiro Branco
32. "Tudo é como devia ser. A noite aperta a polpa dos frutos, desperta o desejo dos insectos, acalma a inquietação das aves, refresca a pele dos repteis, põe os vaga-lumes a dançar. Sim. Tudo é como devia ser"
Author: Luis Sepúlveda
33. "Desejo, sonho e medo, o amor é um salto sem rede entre a razão e a magia. (E só assim vale a pena)."
Author: Lya Luft
34. "No começo, Liesel não conseguiu dizer nada. Talvez fosse a súbita turbulência do amor que sentiu por ele. Ou será que sempre o tinha amado? Era provável. Impedida como estava de falar, desejou que ele a beijasse. Quis que ele arrastasse sua mão e a puxasse para si. Não importava onde a beijasse. Na boca, no pescoço, na face. Sua pele estava vazia para o beijo, esperando."
Author: Markus Zusak
35. "Seguir nosso desejo é o que nos torna livres, e o desejo é variável, mutante, inclassificável - não pode ser considerado moderno ou antigo, é o que é."
Author: Martha Medeiros
36. "Quantos metros precisamos percorrer, quantos dias devemos esperar, em que momento da nossa vida irá se realizar o nosso maior sonho e, uma vez realizado, teremos sensibilidade para identificá-lo? O nosso desejo mais secreto quase sempre é secreto até para nós mesmos."
Author: Martha Medeiros
37. "Atravessar fronteiras era um desejo meu desde menina, incluindo as fronteiras mentais, não apenas as geográficas. Conhecer, descobrir, avançar, aprender: verbos que de certa forma me definem, todos relacionados com o exercício da liberdade."
Author: Martha Medeiros
38. "O amor é fodido. Hei-de acreditar sempre nisto. Onde quer que haja amor, ele acabará, mais tarde ou mais cedo, por ser fodido. É melhor do que morrer. Há coisas, como o álcool e os livros, que continuam boas. A morte é mais aborrecida.Por que é que fodemos o amor? Porque não resistimos. É do mal que nos faz. Parece estar mesmo a pedir. De resto, ninguém suporta viver um amor que não esteja pelo menos parcialmente fodido. Tem de haver escombros. Tem de haver esperança. Tem de haver progresso para pior e desejo de regresso a um tempo mais feliz. Um amor só um bocado fodido pode ser a coisa mais bonita deste mundo"
Author: Miguel Esteves Cardoso
39. "Os extremos delimitam a fronteira para além da qual a vida termina, e a paixão pelo extremismo, tanto em arte como em política, é um desejo de morte disfarçado."
Author: Milan Kundera
40. "O desejo de ordem é, ao mesmo tempo desejo de morte, porque a vida é perpétua violação da ordem. Ou, inversamente, o desejo de ordem é um pretexto virtuoso através do qual o ódio do homem pelo homem justifica as suas malfeitorias."
Author: Milan Kundera
41. "O amor não se manisfesta pelo desejo de fazer amor ( esse se aplica a uma multidão), mas pelo desejo do sono compartilhado ( esse desejo diz respeito a um só)."
Author: Milan Kundera
42. "Como se envelhece rápido, como a sabedoria nada tem a ver com a idade: não nos tornamos mais sábios, apenas conscientes de que os riscos são inerentes a qualquer ação. E então refreamos os desejos, pois tememos que nossos músculos enfraquecidos não mais respondam aos desejos do coração e das memórias. E então preferimos nos calar, calar os desejos, evitar que a vida bruta que nos corria nas veias, naqueles anos, continue a fluir pelos tendões enrijecidos. E então esse medo nos faz precavidos, preferimos aconselhar, nos resguardar da própria vida, como vassouras desgastadas, nos esconder em nossas roupas de lã, mesmo num verão como este. E então tudo o que nos resta é posar de sábios, como se a proximidade da morte nos fizesse melhores conhecedores da vida. Não nos tornamos sábios, apenas velhos, com nossos compromissos, nossos sonhos não cumpridos e, quase sempre, uma vida inútil atrás de nós."
Author: Murilo Carvalho
43. "No fim, o desejo era como uma doença, uma loucura, ou ambas. Deixei de pensar nos outros, desfrutava o prazer onde quer que o encontrasse e seguia adiante. Esqueci que cada pequena ação cotidiana pode fazer ou desfazer um caráter e que tudo aquilo que fazemos no segredo da alcova, teremos que confessá-lo um dia, gritando do alto dos telhados."
Author: Oscar Wilde
44. "Nada mudou. Afastada das sombras irreais da noite, ressurge a vida, na sua realidade já conhecida. Devemos retomá-la onde a deixamos e apodera-se de nós o terrível sentimento de continuidade necessária da energia no mesmo círculo monótono de hábitos estereotipados, ou então somos presas de um desejo selvagem de que nossas pálpebras se abram um dia sobre um mundo que tivesse sido refundido nas trevas para o nosso próprio prazer, um mundo onde as coisas apresentariam novas formas e cores, que teria mudado ou que teria outros segredos, um mundo em que o passado ocuparia pouco ou nenhum lugar, em que as lembranças não sobreviveriam sob a forma inconsciente de obrigação ou de pesar, uma vez que a recordação da própria felicidade oferece amarguras, assim como a lembrança do prazer já contém sua dor."
Author: Oscar Wilde
45. "Contudo, o mais corajoso dentre nós tem medo de si mesmo. A mutilação do selvagem tem a sua trágica sobrevivência na própria renúncia que corrompe as nossas vidas. Somos todos castigados por nossas renúncias. Cada impulso que tentamos aniquilar germina em nossa mente e nos envenena. Pecando, o corpo se liberta de seu pecado, porque a ação é um meio de purificação. Nada resta então a não ser a lembrança de um prazer ou a volúpia de um remorso. O único meio de livrar-se de uma tentação é ceder a ela. Se lhe resistirmos, as nossas almas ficarão doentes, desejando as coisas que se proibiram a si mesmas, e, além disso, sentirão desejo por aquilo que umas leis monstruosas fizeram monstruoso e ilegal. Já se disse que os grandes acontecimentos têm lugar no cérebro. É no cérebro e somente nele que têm tambem lugar os grandes pecados do mundo."
Author: Oscar Wilde
46. "Será que considero esta inquietação, este desvario, como uma doença - ou como um talento? Como ambos? Pode ser. Ou será que é apenas um meio de fuga? Olhe, pelo menos não me encontro casado, aos trinta e poucos, com uma criatura decente, cujo corpo deixou de ter para mim qualquer interesse genuíno - pelo menos não tenho de ir para cama todas as noites com alguém que vez por outra marreto por obrigação, ao invés de desejo. Quero referir-me à horrenda depressão que algumas pessoas experimentam na hora de ir para a cama...Por outro lado, mesmo eu devo admitir que talvez exista, de uma certa perspectiva, algo um tanto deprimente quanto à minha situação, também. É claro que não posso ter tudo; é o que me parece. A questão, porém, que desejo enfrentar é: tenho eu alguma coisa?"
Author: Philip Roth
47. "Há homens nesses tronos, comandante, homens sem escrúpulos, ávidos de poder, que poriam em perigo nações inteiras para satisfazer o seu desejo de supremacia"
Author: Robyn Young
48. "Em verdade, as mulheres nunca opuseram os valores femininos aos valores masculinos; foram os homens, desejosos de manter as prerrogativas masculinas, que inventaram essa divisão: pretenderam criar um campo de domínio feminino - reinado da vida, da imanência - tão somente para nele encerrar a mulher"
Author: Simone De Beauvoir
49. "Alguém perguntou: 'você acha que ela é inteligente?'. Isso me pareceu uma pergunta ultrajante; sério, importa para alguém se ela é inteligente ou não? Sem dúvida basta que um rosto assim exista, embora a própria Garbo possa ter chegado ao ponto de lamentar a trágica responsabilidade de possuí-lo. Não tem graça nenhuma seu desejo de ficar sozinha; claro que deseja isso. Imagino que seja o único momento em que ela não se sente só: se a pessoa percorre um caminho singular, guarda sempre uma certa melancolia, mas não se lamenta em público."
Author: Truman Capote

Desejo Quotes Pictures

Quotes About Desejo
Quotes About Desejo
Quotes About Desejo

Today's Quote

I'm super organized, but a horrible house cleaner."
Author: Angie Harmon

Famous Authors

Popular Topics